segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Cabide -Ana Carolina


Cabide


Composição: Ana Carolina


E se eu fingir e sair por ai na noitada

Me acabando de rir

E se eu disser que não digo, e não ligo, e que fico

E que só vou aprontar

É que eu sambo direitinho, assim bem miudinho,

Cê não sabe acompanhar

Vou arrancar sua calça e pôr no meu cabide só pra pendurar

Quero ver se você tem atitude

E se vai encarar

E se eu sumir dos lugares, dos bares, esquinas

E ninguém me encontrar

E se me virem sambando até de madrugada

E você for até lá

É que eu mando direitinho assim bem miudinho,

Sei que você vai gostar

Vou arrancar sua blusa e pôr no meu cabide só pra pendurar

Quero ver se você tem atitude e se vai me encarar

Chega de fazer fumaça, de contar vantagem

Quero ver chegar junto pra me juntar

Me fazer sentir mais viva

Me apertar o corpo e a alma

Me fazendo suar

Quero beijos sem tréguas

Quero sete mil léguas sem descansar

Quero ver se você tem atitude e se vai me encarar.

Quero ver se você tem atitude e se vai me encarar.

Quero ver se você tem atitude e se vai me encarar.


====================================================================


Não é qualquer um que encara .

Não é qualquer um que tem uma boa pegada, de verdade, não é qualquer um que tem fôlego prá encarar um beijaço daqueles!

Não é qualquer um que tem fogo nas veias e faz a mulher subir até o sétimo céu.

Não é qualquer um que sabe o que a mulher gosta e quer.

Não é qualquer um que sabe acompanhar.

Não é qualquer um que aplica o Kama Sutra , pois prá isso tem que ter fôlego, paciência, dedicação, tesão.

Não adianta só dar selinho e ter medo de pegar de jeito.

Tem que fazer a mulher suar, gemer, gritar...mas isso é só prá quem tem o dom !

O sexo é feito de palavras, sussurros, atitudes , carinho!

E tem também que ter força, prá poder erguer a mulher!

Sentar na beira da cama , girar no ar, dançar nú e coladinho...

Sem camisa de frio, tirando a roupa toda, sem meia no pé .

Não ter medo ou vergonha do que rolar. Não!

E prá fazer ciúme, a mulher tem que saber que o carinha dá conta, pois já deu com ela!

E prá fazer ciúme ,a fila não pode voltar, tem que andar para a frente, pois a que passou o carinha já contou tudo o que não aconteceu e mostrou os pontos que não gostou!

Pobre mirradinho !

Não existe a matéria " como fazer sexo", isso é natural, instintivo. Não se aprende! Se faz!

Mas foi bom, pois pagamos por um show e tivemos dois! E rimos muito, muito mesmo.
E como sempre, quando a mulher encarou , o carinha saiu pela tangente e foi dormir sózinho em casa, não sem antes levar uma bela "bronca", pois a mulher não é bem vista pela família.
Coitadinho do velhinho, ainda tem muito o que aprender!
Quem vê o jeitão pensa que é um rio caudaloso, mas é só uma cascatinha!
Maria Lúcia Inocencio Camargo

Nenhum comentário:

Uma mulher apaixonada pela vida!

Minha foto

Trabalhei no serviço público e quando me aposentei passei a fazer trabalhos manuais, poesias, artes plásticas e artesanato.Tenho um pequeno ateliê e sou muito ocupada Adoro viajar e fazer cursos.Sou blogueira com muito orgulho.Amo ajudar a cuidar dos meus netos.
Meu desejo é divulgar meu trabalho e conhecer pessoas.

Minha lista de blogs

Arquivo do blog

Loading...