terça-feira, 22 de setembro de 2009

DESABAFO TARDIO,PORÉM NECESSÁRIO - Maria Lúcia Inocêncio Camargo


DESABAFO TARDIO ,PORÉM NECESSÁRIO.
Maria Lúcia Inocêncio Camargo

Deixe de ser astucioso,
Ninguém agüenta uma raposa.
Prá mim você perdeu o encanto
E por você não derramarei
Meu pranto.
Seguirei a minha vida
Como se nada tivesse
Acontecido.
Não que o sentimento
Tenha morrido
Ele ficará adormecido
Dentro do meu coração.
Você foi muito canalha
E não suporto mentira!
E você mente
Como quem troca de roupa.
E o pior é que mente
E acaba acreditando
Nas mentiras que fala!
Até quando?
Vi você, e tive dó
Dó do seu arrependimento!
Você não sabe o que fazer
Mas o cristal está quebrado
E ainda não descobriram cura
Nem cola para um coração
Partido.
Você sofre mais do que eu
Pois tenho amigos sinceros,
Que me afagam com carinho,
Já você, pobre coitado,
Não pode falar com ninguém!
Só pode afogar suas mágoas
Na comida e na bebida.
E o seu corpo
Que você preza tanto,
Tem muitos quilos na barriga
Que você dizia ser:-Tanquinho!
Você está parecendo um Buda,
Mas sem aquela ternura
Que envolve o Iluminado
Ou aquele que está recebendo carinho
Ou está sendo muito amado!
Vai voltar ao que você era.
Um pobre coitado que tem tudo
O que o dinheiro pode comprar,
Mas o amor, meu querido,
Que você recebia de graça,
Nunca mais vai encontrar!
E o seu final até estou vendo,
Será deitado num sofá da sala,
Assistindo a um programa,
Qualquer da televisão!
Sózinho na solidão!

Nenhum comentário:

Uma mulher apaixonada pela vida!

Minha foto

Trabalhei no serviço público e quando me aposentei passei a fazer trabalhos manuais, poesias, artes plásticas e artesanato.Tenho um pequeno ateliê e sou muito ocupada Adoro viajar e fazer cursos.Sou blogueira com muito orgulho.Amo ajudar a cuidar dos meus netos.
Meu desejo é divulgar meu trabalho e conhecer pessoas.

Minha lista de blogs

Arquivo do blog

Loading...